Open Source Sofware

Ciclista

Caju Bike: SMTT duplica número de estações na cidade




09.07.14 18:09

 

Foto: André Moreira

O serviço de aluguel compartilhado de bicicletas, o Caju Bike, já ganhou a aceitação do aracajuano e faz parte do dia a dia da cidade. Trazido para Aracaju pela Prefeitura Municipal, através da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), em parceria com a empresa de tecnologia NET, o Caju Bike conta hoje com dez estações e mais dez serão inauguradas amanhã, 10 de julho.


Até a manhã de hoje, 9, já foram contabilizadas quase 13 mil viagens realizadas com as bicicletas do Caju Bike, uma média diária de 130 trajetos de ida e volta. A SMTT quer ir mais longe e por isso vai duplicar o número de estações já existentes. As dez novas estações serão alocadas em espaços públicos que permitirão ao ciclista a interligação entre as estações localizadas na Orla de Atalaia e o Centro da cidade. Os locais foram escolhidos através de estudos realizados com representantes da NET e organizações não governamentais.


As novas estações estão na Passarela do Caranguejo, na Orla de Atalaia; estacionamento do Parque da Sementeira; Calçadão da 13 de Julho, próximo à Rotatória do Caju e no Mirante; rua José Ramos (Praça da Imprensa); Praça General Valadão; Praça da Bandeira; Praça do Mini Golf (próximo à OAB); Praça Fausto Cardoso e Mercados Centrais.


O Caju Bike


Inaugurado no dia 30 de março, o serviço começou na Orla de Atalaia, com a instalação de cinco estações com dez bicicletas em cada uma. A ideia de disponibilizar as primeiras estações na região foi apresentar o serviço aos cidadãos de Aracaju e turistas que visitam a cidade. Depois foi a vez de o Centro receber as estações, provando que o modal é muito mais do que um meio de lazer, mas também de transporte. Foram instaladas mais dez estações, espalhadas nas áreas de maior fluxo de pessoas. Atualmente existem 100 bicicletas disponíveis diariamente para o transporte alternativo.


As estações atualmente em funcionamento na Orla estão na avenida Rotary, oposto ao Terminal da Atalaia; avenida Santos Dumont, oposto ao número 273 (setor das Quadras); av Santos Dumont, oposto ao Real Praia Hotel (Oceanário); av Santos Dumont, oposto ao Hotel Nascimento (Praça de Eventos); e rua Pedro Mandarino, oposto ao Residencial Mar Mediterrâneo, na Coroa do Meio.


No Centro, as estações estão localizadas na rua Santa Luzia (Praça Tobias Barreto); rua Vila Cristina (Praça Camerino); rua Boquim (Conservatório de Música); rua Monsenhor Silveira (Praça Almirante Tamandaré); e rua Riachuelo (próximo à antiga LBV).


Como utilizar


Para utilizar o serviço de aluguel compartilhado de bicicletas, o cidadão deve baixar o aplicativo Caju Bike para smartphone, disponível nas plataformas Android, iOS e Windows Phone. Para quem não tem esse tipo de aparelho celular, o cadastro também pode ser feito pelo site www.cajubike.com.br ou pela Central de Atendimento: 4003-9891.


No cadastro deve ser informado o modo de pagamento, essencialmente feito por meio de cartão de crédito, mensal ou por uso. Escolhendo pagar o serviço mensalmente, o sistema creditará R$ 10 por mês. Já no modo diário, o cidadão pagará pela hora utilizada, sendo creditado R$ 5 a cada uso. Em ambos, o ciclista somente poderá circular com a bike por uma hora, deixando-a em qualquer estação por quinze minutos. Depois desse tempo, ele poderá retirar a bike novamente. Se o tempo exceder, o valor de R$ 5 será cobrado por 30 minutos excedentes.


Em caso de roubo ou furto, o cidadão deve prestar um BO (Boletim de Ocorrência) na delegacia mais próxima e ligar para a Central de Atendimento: 4003-9891.

telefones-home620

banner-fala-cidadao3