Open Source Sofware

Ciclista

III Semana Municipal de Trânsito: SMTT participa de palestra preparatória para inversão de modal




07.05.15 18:15

 

Durante a palestra, Luciano Aranha (ONG Ciclo Urbano), apresentou aos motoristas os diversos tipos de ciclovias, os benefícios do uso da bicicleta e as dificuldades enfrentadas pelos ciclistas nas vias em que dividem espaço com diversos modais.

Nesta quinta-feira, 7, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), órgão vinculado à Secretaria Municipal da Defesa Social e da Cidadania, realizou no auditório da Superintendência, mais uma ação da III Semana Municipal de Trânsito ‘+ Consciência – Acidentes’. Trata-se da palestra preparatória para a inversão de modal. A parte prática da inversão, acontecerá na próxima sexta-feira, 8, com o apoio do Caju Bike, Setransp e da ONG Ciclo Urbano, na Rota de Fuga.


O assessor de comunicação da SMTT, Flávio Vasconcelos, falou da importância de envolver a sociedade, em suas diversas práticas profissionais, nas questões do trânsito. “Esse é um exercício simples. Muitas vezes, o motorista, não somente o de ônibus, mas de veículos de passeio também, não percebem o quanto é perigoso não guardar a distância regulamentar de 1,5 m do ciclista. Por isso, a SMTT e seus parceiros, estão promovendo esse curso teórico e uma prática que é novidade na cidade, no que diz respeito à educação para o trânsito”, enfatizou Flávio.


Durante a palestra, Luciano Aranha (ONG Ciclo Urbano), apresentou aos motoristas os diversos tipos de ciclovias, os benefícios do uso da bicicleta e as dificuldades enfrentadas pelos ciclistas nas vias em que dividem espaço com diversos modais. “As cidades do futuro vão aumentar ainda mais a quantidade de pessoas e é necessário que a gente aprenda a conviver. É importante quando for ultrapassar um ciclista, dar a seta e reduzir um pouquinho, passar a 1,5 m... Porque é uma vida. É um carro a menos”, disse Luciano, falando também que Aracaju tem uma estrutura favorável para o crescimento do uso da bicicleta.


Para o palestrante, Eder Malta, também da ONG Ciclo Urbano, muitas vezes as pessoas cobram honestidade dos demais, enquanto praticam diversas corrupções diárias, principalmente no trânsito. “Esse é o momento de refletir e passar aos outros colegas o que foi aprendido. Todos podem, em certa medida, ajudar para um trânsito melhor, para que seja menos estressante”, enfatizou, mostrando ainda que atitudes de gentileza, como parar na faixa de pedestres, obedecer a sinalização etc., descongestionam o trânsito.


Ainda de acordo com o assessor de comunicação da SMTT, Flávio Vasconcelos, o objetivo da inversão de modal é relembrar aos motoristas de ônibus os princípios básicos do trânsito, muitas vezes esquecidos pela rotina dinâmica e rápida do trânsito, e propagar as premissas dos artigos 38, 58, 170 e 201 do Código de Trânsito Brasileiro. “Queremos despertar essa consciência no motorista e mostrar que a educação é a maior forma de melhorar o trânsito. E isso depende de todos nós, motoristas, ciclistas e pedestres”, concluiu.

telefones-home620

banner-fala-cidadao3